Cadastre-se para receber as novidades da J8

Finalidade

Tipo do imóvel

Cidade

Bairro

Vagas

Dormitórios

Área privativa

Pets e plantas: como manter os dois em harmonia?

Se tem duas coisas que a gente ama ter em casa são plantinhas que trazem a paz da natureza para qualquer ambiente e nossos pets: gatos, cachorros ou qualquer outro, que são a alegria do nosso dia a dia. 🐶🐱🌱 

Por outro lado, eles podem não conviver em harmonia como gostaríamos: algumas plantas podem ser tóxicas para os animais. Em contrapartida, eles são doidos para destruir as verdinhas. Parece que fica difícil conciliar tudo isso em casa, né? É por isso que levantamos as principais dúvidas sobre a convivência de pets e plantas para te ajudar! 😉 Vem conferir: 

1. Quais são as plantas indicadas para ter em uma casa com pets?

gato deitado no chão ao lado de vasos de plantas
Todo cuidado é pouco na hora de escolher folhagens ou flores que não fazem mal para os habitantes de quatro patas da casa.

Antes de trazer uma planta para casa, é preciso saber quais delas podem oferecer riscos para os nossos bichinhos. Por isso, é melhor apostar em espécies que são comprovadamente seguras. Veja só:

Girassol

Basta lembrar que, se comemos as sementes, elas são inofensivas para nós, assim como para nossos bichinhos.

Lavanda

Você sabia que a água da flor é até usada em alguns tratamentos veterinários? 

Orquídeas

Fáceis de encontrar, elas oferecem uma variedade enorme de cores e nenhum risco para os bichinhos.

Camomila

A florzinha que acalma e tranquiliza não faz mal para nossos companheiros animais! Pode usar tranquilaemte. 😄

Bromélia

Elas são fáceis de cuidar, decoram os ambientes e estão totalmente liberadas!

Samambaia

A folhagem é a cara tropicaldo Brasil. Pode ficar tranquilo(a) em deixá-las em contato com os pets.

2. E quais plantas devem ficar longe de nossos bichinhos?

Agora que você já conhece as espécies que não tem risco pros nossos pets, é essencial conhecer as que são um sinal de perigo! Por isso, evite: 

Lírio, Copo de Leite, Azaléia

Todas elas são ornamentais e lindas. Mas, infelizmente, intoxicam pets que entram em contato com elas. Caso você tenha sido presenteado(a) com alguma ou comprado sem querer, use prateleiras, nichos ou outra estratégia para deixá-las longe dos bichinhos.

Espada de São Jorge e Comigo-Ninguém-Pode

Você pode não saber que, apesar de super populares no Brasil, essas folhagens podem até matar gatos e cachorros. Melhor manter a distância, certo?

3. Como evitar que os pets destruam o jardim?

cachorro-feliz-em-meio-a-flores-de-jardim
Assim como nós, os doguinhos precisam de um espaço externo para gastar toda a energia!

Quem não ama um belo jardim, cheio de árvores frutíferas, folhagens decorativas e flores super coloridas? 😍 Não é só a gente: quem tem cachorro, sabe que eles podem causar um verdadeiro estrago quando brincam nas áreas externas. Mas essa é apenas uma reação natural, seja para gastar energia ou buscar conforto. Por isso, algumas dicas podem ajudar a criar um ambiente para seu pet fazer tudo, mas mantendo a ordem do seu jardim. 

Temperatura controlada

Você sabia que cães cavam buracos na grama para tentar se refrescar? Para evitar isso, permita que seu cão acesse locais frescos e arejados, seja com janelas, ar-condicionado ou ventilador. 

Proteja suas plantinhas preciosas

Quando o pet é difícil de controlar, vale cercar aqueles canteiros de flores para restringir o acesso dele.

Permita que o pet extravase energia

Muitos animais têm a necessidade de correr, morder, brincar e fazer outras atividades físicas. Afinal, faz parte do desenvolvimento deles! Mas você pode direcioná-los para preservar seu jardim: separe um espaço onde seu bichinho seja livre para fazer o que quiser. Ofereça brinquedos, objetos ou mesmo frutas que podem ser destruídos sem problemas.

4. Como cuidar da decoração dentro de casa?

gato-derruba-vaso-de-flor-que-quebra-no-chão
Vasinhos que decoram a casa são alvos das patinhas inquietas. Siga as dicas para resolver o problema!

No interior do nosso lar, é natural que detalhes coloridos, cheirosos e com texturas diferentes chamem a atenção dos cachorros e gatos. Mas algumas técnicas podem mantê-los bem longe e garantir que suas plantinhas durem mais.

Dificulte o caminho até as plantas

Criar uma barreira física para o acesso é a forma mais óbvia de garantir que elas fiquem longe dos pets. Para cachorros, isso é resolvido levando elas para o alto, em prateleiras ou em cima de móveis, por exemplo. Já para separá-las dos gatos, vale usar grades ou recipientes que não deixem espaço para eles andarem perto dos vasos.

Torne as plantas menos atrativas para os pets

Animais são repelidos por cheiros e gostos ácidos. Pensando nisso, uma dica simples e valiosa é borrifar vinagre ou gotinhas de frutas ácidas, como laranja ou tangerina, nas folhas. 

Seguindo essas dicas, a paz entre os seres vivos que adoramos está selada. 😅 

Já pensou em qual delas seguir primeiro? Assine nossa newsletter e não perca nenhuma novidade como essa! 😉

Fontes: Steal the Look, Casa e Jardim

Publicações Relacionadas

Dicas

4 Dicas imperdíveis para preparar o seu lar para receber a primavera!

Apesar de ser conhecida como uma das épocas mais bonitas e coloridas do calendário, a primavera pede alguns cuidados especiais ...

Continue Lendo

Decor

5 Ideias para decorar o seu espaço gourmet

Boa parte da experiência de um espaço gourmet é garantir que ele transmita uma energia de descontração e aconchego!

Continue Lendo

J8 Imóveis

Dia do Corretor: conheça os diferenciais da equipe da J8!

Que tal conhecer algumas das qualidades indispensáveis dos corretores da J8 e se encantar ainda mais pela nossa equipe?

Continue Lendo